Panorama na Venda Direta na Argentina

A Venda Direta, da forma como é conhecida atualmente, começou na Argentina em 1968.

No início, os produtos vendidos eram apenas cosméticos e artigos de toucador. Com o decorrer do tempo o uso do sistema estendeu-se à venda de vasilhas e tigelas de plástico, panelas, baixela, utilidades domésticas, pequenos eletrodomésticos, bijuteria, lingerie, vestuário, artigos para limpeza, vitaminas, suplementos nutricionais, livros e outros produtos.

Segundo a CAVEDI, a associação reúne empresas que representam 70% do mercado argentino de Venda Direta. Em 2017, a CAVEDI apresentava os seguintes dados sobre o total do mercado:

Ventas Totais no Varejo

Vendas em 2018 por US$1.613,00 milhões - Base de cálculo: preços ao consumidor final.

 

  • 1771,0
    2014
  • 2020,0
    2015
  • 1746,1
    2016
  • 2175,0
    2017
  • 1613,0
    2018

Indicadores January até dezembro de 2018 em relação ao mesmo período de 2017

Ventas Totais a preço de Varejo (cliente)

(em pesos -moneda corremte)

+23,4%

Vendas por volume físico

+5,0%

Ordens de compra processadas

+5,0%